NUNCA DESISTA DE AMAR

"O amor é eterno e maravilhoso na sua essência, capaz de realizar as mais importantes transformações num ser humano.
Alguns vivem o amor na sua plenitude pelo simples facto de dispor dele em abundância. Aprenderam a amar, a entregar-se ao seu amado e a estabelecer relacionamentos criativos. Outros sofrem com o seu relacionamento amoroso. Depois de algumas decepções, tendem a isolar-se e a adotar uma postura cética em relação ao amor. Preferem ficar em casa no sábado à noite, assistindo a um filme. Passam todos os fins de semana sozinhos. Nunca aceitam o convite de um colega para sair. No início, sentem-se aliviados, pois acham melhor evitar problemas do que sair em busca do amor. Mas, depois de algum tempo, a solidão começa a apertar o coração.
Nunca desistas de amar. Assume sempre o risco de demonstrar o teu amor, mesmo que a outra pessoa não vá aceitá-lo, porque amar alguém não é um problema nem um defeito; é uma virtude. Se ela não aceitar o teu amor, o problema não é teu, pois, uma vez que já descobriste o jeito de amar, ficará faltando apenas encontrar alguém para a viagem a dois.


E lembra-te : tu és o autor da tua vida e és capaz de escrever uma história de amor muito linda, na qual recebes e dás muito amor. Sabe sempre que amar pode dar certo, desde que tu cuides do Amor com muito carinho e sabedoria.*"